Como usar a panela a vapor

Foto: Pixabay

Procure picar os alimentos em pedaços semelhantes e menores, eles terão um cozimento mais rápido e uniforme.

Se os pedaços variarem de tamanho, coloque os pequenos em cima.

Não sobrecarregue as tigelas com alimentos.

Arrume os alimentos com espaços entre eles para permitir que haja melhor circulação do vapor.

Feche a panela hermeticamente para evitar a perda de vapor, mantendo o aroma, cor e consistência do alimento.

Evite abrir a panela durante o cozimento para não interromper a circulação do vapor e, consequentemente, o processo de cocção.

Se for cozinhar mais de um tipo de legume, selecione os de textura semelhante para cozinharem ao mesmo tempo.

Uma opção de tempero para peixes é acrescentar na água do cozimento ervas aromáticas, como erva-doce. Seu aroma será absorvido pelos peixes durante o cozimento.

São indicados para o cozimento a vapor os peixes de sabor delicado, como o linguado, o salmão e as variedades de pescada.

Para dar mais sabor à preparação, a água pode ser temperada com ervas, gengibre, alho, folhas de louro ou especiarias.

A água do cozimento poderá ser aproveitada para preparar molhos, caldos para sopas e cozinhar grãos.

Para o cozimento mais rápido o ideal que os alimentos sejam colocados quando a água já começou a ferver.

Alimentos congelados podem ser cozidos sem descongelar ou descongelados.

A tigela de arroz também é ideal para pudins, arroz-doce, massas instantâneas etc…

É possível utilizar tigelas refratárias desde que as mesmas caibam dentro das tigelas de vapor e possam ser facilmente retiradas.

Antes de colocar os alimentos na panela, tempere-os a gosto.

O cozimento a vapor tem a vantagem de retirar toda a gordura da carne durante o cozimento.

Escolha carnes macias e fáceis de cortar.

Coloque a tigela de vapor com pedaços maiores de alimentos e que requerem um tempo de cozimento maior na parte de baixo.

Você poderá colocar alimentos diferentes nas tigelas de vapor, porém a condensação gotejará da tigela de cima.

Por exemplo, no caso de carnes (vermelhas ou brancas) e vegetais, coloque sempre a carne na tigela de baixo para que o suco da carne crua ou mal passada não goteje nos vegetais, interferindo no seu sabor.

O tempo de cozimento da tigela de cima é normalmente um pouco mais longo do que da tigela inferior.

Quando finalizar o preparo, deixe a cesta de fritura encaixada no suporte de descanso. Este processo retira o excesso de óleo e deixa os alimentos muito mais sequinhos e crocantes.

Compartilhe:

Facebook Twitter Pinterest Email